Treta e o Soft Power Coreano

Alessandro Bender
3 min readMay 11, 2023
A indústria cultural coreana aterrissou em Hollywood

Se você tem menos de 30 anos, não assista Treta, disponível na Netflix. É uma série para adultos. Vá procurar outra coisa para fazer.

A partir de um fato absolutamente banal (um mal-entendido de trânsito), a trama se desenrola abordando os dilemas da maturidade. As pequenas frustrações do cotidiano desfilam uma a uma, às vezes gerando riso e outras fazendo pensar.

Amadurecer é mergulhar de cabeça no universo das frustrações, e se você não concorda leia o primeiro parágrafo de novo e vá jogar fazendinha no seu celular.

Treta é a culminância de um projeto de Soft Power iniciado há décadas na Coréia do Sul. Muita gente já ouviu falar do projeto educacional coreano, mas nem todo mundo sabe que mais ou menos na mesma época surgiu um projeto de construção de uma indústria cultural. Investimento pesado e consistente.

Duas décadas depois já era possível ver o resultado. Inicialmente os produtos culturais foram destinados ao mercado interno, e gradualmente foram sendo moldados para o mercado internacional.

Kpop, as boybands coreanas

Soft Power

Quando você era pequeno o que sabia sobre a Coréia do Sul? Nada ou quase nada, certo? Hoje você conhece Kpop, filmes (Parasita ganhou o Oscar anos atrás) e novelas, as chamadas Doramas. Tudo fruto de um investimento sistemático na relevância da cultural coreana feito por décadas.

Por que isto é importante? Por causa do poder que uma cultura têm, chamado de Soft Power.

American Way of Life

Os Estados Unidos não são apenas uma força econômica e bélica, eles são detentores do maior Soft Power dos últimos cem anos. O impacto do Soft Power estadunidense é tão grande que em qualquer lugar do mundo vemos alguém com uma camiseta com estampas e frases que se referem à cultura deste povo. Soft Power é influência política, social e econômica.

Você conhece alguém que toca Harpa? Que se veste no estilo Afegão? E alguém que toca guitarra e usa calça jeans? Soft Power é isto.

Foi através de Hollywood que o estilo de vida e a cultura estadunidense se espalharam pelo mundo. E foi da mesma maneira que outros países estão elaborando sua influência no planeta. Índia, China, Japão e Coréia do Sul estão utilizando a mesma estratégia para ganhar relevância cultural nos dias de hoje.

Por que Treta é importante neste sentido?

Justamente pelo fato de ser a consolidação da cultural sul coreana dentro do Estados Unidos. É uma produção para mercado internacional, realizada dentro do território americano, com atores de variadas etnias, mas com o sabor de um ótimo Dorama. Se existe uma bandeira coreana que precisava ser fincada no mercado norteamericano, Treta é esta bandeira.

E o Brasil?

Uma pena que não tenhamos políticas públicas perenes no universo da cultura brasileira. Temos grandes possibilidades de ter um Soft Power muito mais influente, mas o imediatismo e falta de visão acabam impedindo um resultado melhor. Mas isto é assunto para outro artigo.

Alessandro Bender 2023

--

--